A lista de Brett

domingo, março 18, 2018



Li A Lista de Brett quando assinei o kindle unlimited por R$1,99 em setembro de 2017. Fui digitalmente influenciada por uma das minhas blogueiras/booktubers favoritas, Paola Alexsandra, em um vídeo em que ela recomendava livros para ler no kindle unlimited. Eu nunca tinha lido um chick-lit até o fim e fui surpreendida por esse livro.

Brett Bohlinger parece ter tudo na vida  - um ótimo emprego como executiva de publicidade, um namorado lindo e um loft moderno e espaçoso. Atá que sua adorada mãe morre e deixa no testamento uma ordem: pare receber sua parte na gorda herança, Brett precisa completar a lista de sonhos que escreveu quando era uma ingênua adolescente.
Deprimita de de luto, Brett não consegue entender a decisão de sua mãe - seus desejos adolescentes não têm nada a ver com suas ambições de agora, aos trinta e quatro anos. Alguns itens da lista exigiriam que ela reinventasse sua vida inteira. Outros parecem mesmo impossíveis.
Com relutância, Brett embarca numa jornada emocionante em busca de seus sonhos de adolescência. E vai que descobrir que, às vezes, os melhores presentes da vida se encontram nos lugares mais inesperados.

Brett tem uma vida de dar inveja, até que sua mãe falece e seu castelo desmorona. Antes de morrer, a sua mãe deixa um testamento especial para a filha, na qual ela terá direito de receber a herança após cumprir uma lista de coisas que Brett queria fazer quando era adolescente. Para ajuda-la nessa tarefa, Brett conta com a ajuda do jovem advogado de sua mãe, que ficou encarregado de entregar uma carta que a mãe deixara para que a jovem lesse após cada tarefa cumprida.
Tem tarefas que eu fiquei realmente curiosa em saber como irão ser concluídas, não fazia ideia de como a autora levaria a história, principalmente quando se aproximava a reta final da obra. Gostei muito de como tudo foi tratado. Por nunca ter conseguido terminar um chick-lit, não sei exatamente o que é considerado clichê no gênero, mas notei alguns na história mas não foi nada que chegou a me incomodar. Pensei que seria um livro pesado, já que inicia com uma morte, mas apesar de seus dilemas, também é possível se divertir enquanto lê.
No decorrer do livro é possível ver a loucura que vira a vida da protagonista, o que mostra que nem tudo aquilo que parece perfeito realmente é. O medo de arriscar e sair da sua zona de conforto pode te impedir de viver uma vida fantástica, melhor do que a que você imaginaria que teria ou que merecia. Meu ponto favorito do livro foi ter visto como Brett amadureceu, vê-la tomar decisões que não eram apenas em relação a ela e pensadas no bem do outro e não somente em conseguir completar a lista de tarefas, é de aquecer o coração. É possível tirar lições de vida preciosas desse livro, recomendo para quem goste de ler algo que emocione.


Autora: Lori Nelson Spielman
Editora: Verus
Ano: 2014
Páginas: 364
Gênero: Chick Lit
Onde comprar: Amazon - Saraiva
Nota: ★★★★★

You Might Also Like

2 comentários

  1. Devo dizer que me interessei muito pela história desse livro, parece ser intenso nas aventuras de realizar a lista e conseguir a herança da mãe, e esse cara que a ajuda? Um possível romance? Vou procurar para ler ;)

    http://yeah-dreamhigh.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez seja um possível romance, talvez tenha uma reviravolta muito legal hahaha não posso dar spoilers! Indico muito e espero que você goste!

      Excluir